Mas… por que Israel?

Essa é uma pergunta que sempre me fazem, principalmente os israelenses.

Vir para cá não foi uma decisão tão simples quanto parece, mas foi necessário. Às vezes, precisamos deixar um pouco o que estamos acostumados e tentar algo diferente. Posso dizer que em nenhum momento em 20 anos, eu imaginei que viria para Israel.

Vim para cá pela primeira vez com o Taglit, e me impressionei mais do que esperava. Lindas paisagens, pessoas diferentes, uma língua estranha e uma cultura única.

Recém-formada, um emprego meia boca, poucas prospecções para o futuro. Peguei as malas e vim tentar algo novo na Start-up Nation.

20160827_084009